https://radiomixlimeira.com.br/feed/

Sequestros e estelionato: golpes por apps de namoro crescem no país

aplicativos de mensagem, internet, plataformas digitais, aplicativos, e-mail, redes sociais

O match entre o distanciamento social provocado pela pandemia e a facilidade das transações virtuais na internet provocou uma explosão no número de golpes aplicados por meio de aplicativos de relacionamentos no último ano. Os crimes praticados vão desde perseguições e ameaças até latrocínios e homicídios. Todos eles, porém, contam com o mesmo facilitador: as plataformas virtuais que ajudam a promover encontros para relacionamentos.

“São instrumentos que permitem aos criminosos atrair as vítimas de uma forma mais assertiva. Se antes eles faziam as abordagens nas ruas, agora essa interação migrou para os meios virtuais”, explica Tárcio Severo, delegado de polícia titular da 3ª Delegacia Antissequestro de São Paulo.

No ano passado, a Interpol já havia emitido um alerta para 194 países membros da agência de vigilância mundial, incluindo o Brasil, para o aumento de golpes por aplicativos de relacionamentos. De lá para cá, a percepção de advogados, policiais e especialistas em segurança pública é que esse tipo de artimanha criminal só aumenta, ainda que não haja estatísticas específicas para essa modalidade de estelionato.

“Com a pandemia, as pessoas tiveram necessariamente que se manter isoladas para evitar a contaminação, e a paquera migrou para meios virtuais. Com essas abordagens, surge o perigo porque as pessoas se camuflam em outras personalidades, forjam características e imagens que não existem”, explica Raquel Kobashi Gallinati, presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo.

Fonte : R7

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.