https://radiomixlimeira.com.br/feed/

Piracicaba, Limeira e Indaiatuba têm aumento no número de furtos de fios de cobre e alumínio


Em Piracicaba, avenida está com os 38 postes sem iluminação após crime e escola teve prejuízo de R$ 24 mil após fiação ser levada. Furto de fios em Piracicaba tem aumento de 157% no número de casos
Piracicaba (SP), Limeira (SP) e Indaiatuba (SP) tiveram aumento no número de furtos de fios de cobre e alumínio no primeiro semestre deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado.
É o que mostra um levantamento realizado pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) a pedido da EPTV, afiliada da TV Globo, envolvendo as cinco maiores cidades das regiões de Piracicaba e Campinas (SP).
Cidades com aumento de casos:
Piracicaba: Aumento de 157,14%
2019 (janeiro a junho): 21 ocorrências
2020 (janeiro a junho): 54 ocorrências
Limeira: Aumento de 56,52%
2019 (janeiro a junho): 46 ocorrências
2020 (janeiro a junho): 72 ocorrências
Indaiatuba: Aumento de 10,52%
2019 (janeiro a junho): 19 ocorrências
2020 (janeiro a junho): 21 ocorrências
Cidades com redução de casos:
Sumaré: Queda de 45,94%
2019 (janeiro a junho): 37 ocorrências
2020 (janeiro a junho): 20 ocorrências
Campinas: Queda de 17,26%
2019 (janeiro a junho): 168 ocorrências
2010 (janeiro a junho): 139 ocorrências
De acordo com Adalberto Santos, especialista em Segurança Pública, trata-se do chamado crime de oportunidade, muito praticado por pessoas que usam drogas, para consumo rápido.
Santos orienta que a vítima desse tipo de furto tem que fazer um boletim de ocorrência para que a área seja mapeada nas ações da polícia. E reforçar a segurança do local.
“O ideal é que sempre se coloque câmeras, alarmes e cercas elétricas nas residências e nos comércios. Por ser exatamente um crime de oportunidade, quando ele [criminoso] se deparar com algum tipo de dificuldade ele vai procurar onde não tenha”, explica.
Avenida de Piracicaba ficou sem iluminação após furto de fios de 38 postes
Edijan Del Santo/ EPTV
No escuro
Os ladrões buscam principalmente os locais de onde consigam levar grande uma quantidade de fios. Por isso, a iluminação pública está sempre na mira.
Na Avenida Renato Wagner, em Piracicaba, os 38 postes estão sem luz. Todos os fios foram furtados.
“Aqui é um lugar muito aberto e a frequência de assaltos é muito grande, principalmente para os ciclistas e pedestres”, relata a ciclista Alessandra Barbosa.
O empresário Jota Duarte teve sua escola alvo do crime por duas vezes e acumula um prejuízo de R$ 24 mil
“Estouraram o lacre que tínhamos aqui e cortaram os fios todos. Consertamos isso numa sexta-feira, e quando foi na segunda-feira chegamos aqui e o prédio estava aberto. Eles haviam de novo invadido. Dessa vez entraram no prédio e o estrago foi maior”, lamenta.
Furto de fiação gerou prejuízo de R$ 24 mil a escola de Piracicaba
Edvaldo de Souza/ EPTV
A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo informou que as polícias Civil e Militar fazem operações constantemente para combater esse tipo de furto e que, desde o começo do ano, mais de uma tonelada de metais nobres foram apreendidos.
Já a Prefeitura de Piracicaba informou que já foi assinado o contrato de licitação para substituir a fiação da avenida e que as obras devem começar em setembro.
Veja mais notícias da região no G1 Piracicaba