https://radiomixlimeira.com.br/feed/

Em 20 dias, 50 comerciantes são autuados por descumprimento da quarentena em Capivari


Cerca de 175 donos de estabelecimentos foram orientados a se adequar para o cumprimento do decreto estadual que prevê medidas de prevenção à pandemia de coronavírus. Barreira sanitária na entrada de Capivari, em prevenção ao novo coronavírus
Divulgação/ Prefeitura de Capivari
Fiscais da Prefeitura de Capivari (SP) e agentes da Guarda Civil já autuaram cerca de 20 comerciantes por descumprimento da quarentena em prevenção ao coronavírus, que prevê apenas abertura de empresas que oferecem serviços e produtos considerados essenciais. As informações são do governo municipal.
A administração diz que, com bases em decretos federal, estadual e municipal, tem intensificado suas ações de fiscalização, como rondas, orientações, entre outros. A ação também ocorre para averiguar casos denunciados.
Entre os dias 29 de abril e 19 de maio de 2020, foram cerca de 175 estabelecimentos orientados a se adequar para o cumprimento da legislação.
A maioria dos estabelecimentos está localizada no Centro da cidade, e os considerados não essenciais que estavam descumprindo o decreto que foram flagrados foram autuados.
Imagem aérea de Capivari: prefeitura diz que tem intensificado fiscalização
Prefeitura de Capivari/Divulgação
Orientações a moradores
Também foram realizadas ações de abordagem de moradores que estavam em áreas públicas sem obedecer a lei que obriga o uso de máscaras.
Foi entregue material informativo e realizadas rondas pela cidade para averiguação de aglomerações de pessoas em frente a estabelecimentos, além de vistorias em barracas na feira, onde foram autuadas pessoas por consumação no local (donos de barracas).
Foram visitados estabelecimentos de diferentes setores, como alimentação, bares, cosméticos e beleza, papelarias, relojoarias, óticas, lojas de calçados, de brinquedos, instrumentos musicais e de móveis, petshops, agropecuárias, lojas de materiais de construção, lotéricas, lojas de celulares e eletrônicos, estacionamento de veículos, ambulantes, academias, imobiliárias, farmácias, entre outros.
Segundo a administração, o trabalho de fiscalização continuará até o fim da quarentena. Os telefones de contato para denúncias são:
Fiscalização de Posturas – (19) 3491-9393 (atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h);
Vigilância Sanitária – (19) 3492-7368 (atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h);
Guarda Civil Municipal – 153 e (19) 3491-1311 ( a Guarda atende 24 horas por dia, todos os dias da semana).
Veja mais notícias da região no G1 Piracicaba