https://radiomixlimeira.com.br/feed/

Antenas ‘corta linha’ seguem sendo instaladas gratuitamente hoje em motocicletas no município

Foto: Adilson Silveira/Sec. Comunicação Social de Limeira

Após ação na última sexta-feira (27), segue em Limeira nesta segunda-feira (30) a doação e a instalação de antenas “corta linha” a motociclistas, como prevenção aos perigos trazidos por linhas com cerol.

A atividade ocorre hoje em dois horários: às 9h na sede da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Civil (Via Luiz Varga, 1.470, no Jd. Presidente Dutra); e às 15h30 em frente ao Estádio do Limeirão (Av. Major José Levy Sobrinho). Para participar da campanha, basta que o motociclista apresente o CPF.

Quando instaladas nas motos, as antenas evitam que a linha de cerol provoque ferimentos nos condutores desses veículos.

Na sexta, o prefeito Mario Botion acompanhou a doação de 130 antenas, na ação idealizada pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Civil de Limeira, dentro da campanha de conscientização “O cerol corta vidas”.

Essa é uma campanha de prevenção aos acidentes com cerol“, comentou Botion. O chefe do Executivo ressaltou, ainda, que as ações preventivas estendem-se a toda comunidade. “Também temos um trabalho de conscientização, para que as famílias não deixem seus filhos usarem o cerol na linha das pipas. Soltar pipa é uma atividade de lazer que deve ser praticada com segurança, sem o cerol“, completou.

Segundo o secretário de Segurança Pública, Wagner Marchi, a iniciativa recebeu apoio de duas empresas do município, a Garcia Terraplenagem e Pavimentação e a Tribenet, que juntas, repassaram 250 antenas à pasta. “Esse dispositivo tem um gancho cortante na ponta, não permitindo que a linha tenha contato com o corpo, mais especificamente com o pescoço do motociclista“, frisou Marchi.

O primeiro munícipe a receber a doação foi o bancário Luis Felipe Pereira, de 27 anos. Desde que comprou a moto, há três meses, ele afirma que tinha interesse de instalar o dispositivo, principalmente porque nesta época do ano as crianças costumam soltar pipa com mais frequência. Quando soube da campanha, ele disse que resolveu aproveitar a oportunidade. “A moto já é um veículo perigoso e tudo o que puder ser feito para prevenir acidentes é bem-vindo“, frisou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.