Maior empresa de pornografia usa videogame para atrair crianças

Postado em 10/out/2018

Empresa pornográfica usa videogame pra atrair crianças

Empresa pornográfica usa videogame pra atrair crianças
CBN News

A pornografia está se intensificando entre a juventude dos Estados Unidos, principalmente por meio de duas grandes áreas: os jogos online e realidade virtual. Essas informações foram publicadas no site CBN News.

De acordo com Ben Miller, coordenador de estratégias digitais do NCOSE (sigla em inglês de Centro Nacional de Exploração Sexual), há cinco anos o número de videogames contendo exposição pornográfica violenta era pequena. Mas agora, ainda segundo ele, os números estão aumentando rapidamente.

Os dados do NCOSE apontam que, no ano passado, um site popular de videogames hospedou 780 jogos com nudez. Este ano, o mesmo site hospeda mais de 1.600 desses jogos. Além disso, uma empresa vários estúdios e sites de pornografia começou uma plataforma de distribuição de jogos com teor pornográfico online.

“Os jogos pornôs não contêm apenas sexo e nudez. Eles são muito mais gráficos”, disse Miller em um comunicado à imprensa.

“Alguns desses jogos promovem abusos e assédio sexual. Apesar de serem desenhos animados, o conteúdo gráfico desses jogos está longe de ser inofensivo. A pornografia animada estimula o vício sexual e molda as paletas sexuais da mesma forma que a pornografia comum faz”, disse.

Além de seus jogos, a distribuidora também tem os jogos gratuitos. Esta opção que não precisa pagar permite que as crianças tenham acesso mais fácil ao conteúdo, ignorando os cadastros de pagamento que servem para bloquear os adolescentes e crianças a terem acesso sem a fiscalização de adultos.

O NCOSE analisou ainda que o acesso no site aumentou de 50 milhões para 115 milhões de visitas entre abril e agosto de 2018, entrando na lista dos 500 principais sites do mundo.

O terapeuta de casamento e família Jill Manning disse à ONG Internet Security 101 que “os pais precisam entender como a indústria de jogos e pornografia está intimamente ligada às crianças”. Segundo ele, “cada vez mais jogos têm pornografia embutida neles”.

Realidade virtual

Outro grande portal de jogos para adultos anunciou em maio deste ano que está se expandindo para a realidade virtual com dois novos produtos. Através do uso de um fone de ouvido e óculos, as pessoas entram em um ambiente virtualmente criado e sai da sua situação real.

O analista da empresa Piper Jaffray, Travis Jakel, disse à revista Fortune que “até 2025, o conteúdo de realidade virtual para adultos está previsto para ser um negócio de 1 bilhão de dólares, o terceiro maior setor por trás de videogames e conteúdo relacionado à NFL”.

Segundo o CEO da empresa de entretenimento adulto BaDoink, Todd Glider, a realidade virtual “se tornará o padrão na indústria para os consumidores masculinos mais jovens de hoje”.

Como manter as crianças distantes

Uma das dicas para que as crianças fiquem distantes da pornografia em jogos é manter o dispositivo de jogo ou computador em uma área que todos tenham acesso constante, não no quarto da criança, mesmo que você já tenha um serviço de filtro de internet.

Remover os fones de ouvido e deixar o som em alto-falantes do computador para ouvir qualquer bate-papo online também ajuda.

Também é favorável configurar todas as contas de jogos e controles de acesso das crianças e jovens. Os pais ainda devem decidir quem tem acesso ao perfil do jogo e com quem o filho pode conversar.


Source: Notícias Ciência e Tecnologia r7

Os comentários estão desativados.